Letras de Músicas da Hora

Vítimas do Vandalismo

Cazuza

 

Vítimas do Vandalismo

Eu quero que você esteja
Pessoa física a esmo
Eu quero romance em você
Eu quero produto porque
Chove lá fora

Então por isso seja
O meu sonho escancarado
Descartável desejo doido
E drogas pra morrer de rir
No íntimo

Vítimas do vandalismo
Vizinhos sem sonho

Trocar de copo
Pode significar a sua morte
Mesmo quando a sorte ainda não o abandonou
Sem segredos
Tanto medo
Inquietação
Decoro o engodo de estar pensando em você
Malogro engano
Seu cano
Minhas pernas

Um poema punk pop
Um desejo de estar tantas
Outros
Todos
Vocês
Cromo latino
Ser
a vida
por instantes
meu sangue

Anterior Próximo